Pesquisar este blog

terça-feira, 3 de outubro de 2017

Balanço - Setembro/2017

Mês cansativo, marcado pela frustração com o trabalho e recordes da Bovespa. Pra mim é claro que não posso continuar a fazer um trabalho onde eu não tenha autonomia para decidir como faze-lo da melhor forma. A cultura corporativa me cansa. Penso em iniciar minha retirada dessa vida já no final do próximo ano, através de uma licença não-remunerada. Vamos ver.

Neste mês separei as carteiras de ações e FIIs. A planilha do AdP ficou muito louca pra apresentar o acumulado do ano, talvez eu tenha comido bola. Eu só peguei o valor dos FIIs ao final de agosto e joguei em setembro como retirada da carteira antiga e aporte na carteira nova, somente com FIIs. Sei lá, dane-se.

2 CDBs que venceram este mês (um deles pré a 17,50% - bons tempos :) foram reinvestidos em FIIs, ações, ouro, fundo de ações e TD Pré 2023. Ainda sobrou um restinho pra reinvestir em renda variável - ordens estão prontinhas na corretora.

Desempenho do mês:
  • Taxa de poupança ( (receitas - despesas) / receitas) de acordo com o GuiaBolso: 85%
    • No fim do mes recebi férias, 1/3 e o cacete, entao essa taxa e a do proximo mês (quando nao receberei praticamente nada) ficam distorcidas.
  • Renda passiva de FIIs e ações: 1379,86
  • Rendimento global da carteira: 1,19% - Legal ! Acumulado de 2017: 9,33%
    • Previdencia Privada: 0,8% - ok
    • Tesouro direto: 0,94% - bom
    • RF (Titulos privados): 0,77% - ok
    • Fundos: 1,04% - bom
    • FGTS: 0,29% - sem comentários 
    • Ações: 5,93% - sabia que tava subindo pra caramba... POMO3 com 17% foi a maior alta, ELPL4 com -19% a maior baixa
    • FIIs: -0,45% - no começo era meu orgulho, agora virou uma bela porcaria
    • USD: 2,68% - oba
    • EUR: -0,01 - choveu no molhado
    • Stock plan: 13,27% - enfim compraram na baixa e subiu
Todas rentabilidades acima sao líquidas. Já está descontado IR e taxas para se desfazer dos ativos. Para ativos no exterior considerei um ágio de 5% no câmbio se quisesse trazer tudo pra cá, mais multas e impostos. 

Indicadores do mês:
CDI 0,64% - bati outra vez ! No ano acumula 8,14% 
IPCA estimado: 0,12% - ganhei fácil; no ano acumula 1,74%
Poupança: 0,5% - melhor que meus FIIs; no ano acumula 4,69%

Alocação atual:

Brasil
Exterior
Fundos Prev Privada FGTS RF TD FII Ações Stock Plan EUR USD

24,1% 10,7% 5,7% 15,0% 22,7% 8,8% 4,4% 1,9% 4,1% 2,7%

Nos próximos dias estarei tirando merecidas férias. Quero muito espairecer e retornar com novo fôlego pois tenho estado com a cabeça muito ruim, cansado e confuso também com a perspectiva de atingir a IF e o que virá depois. Pareço um cara que se descobriu homossexual e não sabe como contar pra família, não sabe como sair do armário. É assim que me sinto.

Quero virar vagabundo ! Mas não conto pra ninguém...

6 comentários:

  1. "FGTS: 0,29% - sem comentários"

    Poisé, eu nem conto essa bosta. Tesouro 0.94% descontado IR é realmente impressionante!

    Enfim, sua estratégia é bem diversificada. Possui algum objetivo traçado?

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Objetivo é o básico: segurança financeira para mudar de carreira e de vida. FGTS vc tem que contar sim, o dinheiro é seu !

      Excluir
  2. Farmaceutico Investidor5 de outubro de 2017 10:36

    Fala Vaga!
    Descobri seu blog pela finansfera e queria te parabenizar pelo foco e planejamento na sua IF. Gostaria apenas de ressaltar que passei pela mesma sensação que você descreveu: falta de pespectiva, cansaço, frustração pela pouca autonomia - microgestão e incompetência gerencial é um atalho para muitos problemas de saúde mental e física na minha opinião. Nesse período tirei umas férias e viajei pela Serra Gaúcha com alguns amigos - fazia anos que não viajava e me peguei com certa depressão quando voltei para o trabalho. Os benefícios no meu atual emprego (que não uso, por total desmotivação) e o salário, acima da média para minha área, não eram suficientes para me fazer acordar 4:30 e passar por stress e putarias usuais dos "colegas". Resolvi sair do mundo corporativo - surgiu uma oportunidade em uma empresa totalmente fora do ramo em que atuo e resolvi abraçar (salário ligeiramente maior). Perdi benefícios e talvez uma "possível" progressão na carreira, mas ganhei tempo; deslocamento casa-trabalho seria meia hora, com demandas mais variadas e interessantes e um ambiente mais cosmopolita (parques, restaurantes diversos, shoppings, etc). Esse último parece firula, mas é interessante como a variedade de coisas melhora minha sanidade rs.

    O que eu queria dizer, é que nas férias, percebi algo que não enxergava; ter tempo para si mesmo é um atrativo tão bom (ou até melhor) que salário. Não vale a pena se desgastar ou se sacrificar pela politicagem, o que importa é saúde físico-mental e financeira.

    Sobre FIIs, tive uma variação positiva nesses últimos tempos - meu foco é em tijolos, fugindo de Fundos de fundos e fundos de papel por enquanto. Você tem algum post que fale mais sobre sua carteira de FIIs?

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigado pela visita e fico contente que se identificou com minha situacao. Mudar para um trabalho ganhando mais e pra fazer algo mais interessante num ambiente mais dinamico como vc fala é facil, principalmente se for pra ganhar mais. Parabens pela conquista. Tempo realmente é importante. Tem uma pincelada nos FIIs neste post, pretendo atualizar no futuro: http://querovirarvagabundo.blogspot.com.br/2017/05/memorias-de-um-sardinha.html

      Excluir
  3. Quando puder conte-nos sobre esse fundos !! rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Está nos planos dar uma detalhada num futuro post. Fique ligado !

      Excluir